Noel Gallagher e as suas opiniões muito sinceras

By  |  Comentários


Noel Gallagher, sempre com opiniões muito sinceras quando questionado sobre algum assunto, está prestes a embarcar em numa digressão pelos Estados Unidos. Ao conceder uma entrevista onde lhe perguntaram sobre a política americana, respondeu: “Vi os melhores momentos do Donald Trump no YouTube. É ele contra a Hillary Clinton, certo? O que basicamente significa que os EUA estão fod*.”

Seguindo a conversa, o Gallagher mais velho reclamou de tudo hoje em dia ser digital e que isso acabou com o estrelato do rock. Como era de se imaginar, o seu comentário sobre o Spotify e serviços de streaming no geral foi bem depreciativo.

Eu não faço stream de música. Se quiser, compro. Não preciso ter acesso a 3 biliões de músicas. Uma pessoa tentou vender-me o Spotify uma vez e eu fiquei “Porque gostaria de ter um album inteiro dos Kaiser Chiefs? Por que gostaria de ter um monte de concertos ao vivo dos Foo Fighters? Eu não teria isso em casa, então porque teria no meu telemovel?

E claro, não podia faltar: após Liam Gallagher publicar uma série de insultos a Noel via Twitter, ele respondeu que acha que o irmão o fez para continuar relevante. “O que mais tem ele para partilhar? Sobre como vai a sua marca de roupas? Não acho que isso garanta um tweet.” E continuou, “Não nos falamos como deve de ser desde 1996. Eu tolerei até que ele não conseguisse mais cantar. Quando cantar vira gritar, eu mudo. Eu só estava a acumular dinheiro.”

Para finalizar, disse que sempre foi um solitário, desde criança e prefere sua própria companhia. “Eu sou literalmente a única pessoa que me consegue suportar.”