Capitão Fausto e Thurston Moore – cabeças de cartaz do Manta

By  |  Comentários

São 10 anos de Manta, data que merece celebração para um evento que se tornou matéria viva da cidade de Guimarães. O festival regressa aos jardins do Centro Cultural Vila Flor e recebe, no dia 02 de setembro, sexta-feira, com os Capitão Fausto que sobem ao palco para apresentar o seu mais recente trabalho. Um dos mais bem-sucedidos projetos do país afirmam-se agora com “Capitão Fausto têm os dias contados”, o terceiro álbum da banda, é um disco sublime que é uma lufada de ar fresco para a cena musical portuguesa. Antes dos Capitão Fausto tomarem as rédeas, o Manta recebe Valter Lobo, que traz o seu “Mediterrâneo”, um disco concetual em que o cantautor, sem colocar de parte uma melancolia inata, faz uma reaproximação ao calor humano e ao mundo. Desprovido de excentricidades, lembrar-nos que as coisas simples da vida são também as melhores.

No segundo dia, 03 de setembro, a noite abre com Alek Rein, nome que tem assumido presença nos principais festivais de verão do país. Desde as primeiras gravações caseiras a solo até ao iminente primeiro longa-duração com banda, as canções do músico surgem entre a confissão, o protesto e o sonho, alinhado na tradição do psicadelismo folk anglo-saxónico. Sobe, de seguida, ao palco o icónico Thurston Moore, fundador dos Sonic Youth, que regressa a Guimarães para um concerto exclusivo no nosso país. Moore mostra que o seu entusiasmo em fazer grandes músicas permanece intacto. Acompanhado por um conjunto de músicos inigualável, o The Thurston Moore Group, traz o segundo álbum, “Rock’N’Roll Consciousness”.

Como já é habitual, o Manta tem entrada livre e convida todas as pessoas a embarcar nesta viagem musical. A 10ª edição do evento promete duas noites únicas, preenchidas de atuações excecionais. Os concertos têm início às 21h30.